Farmacêuticos Famosos

Alguns Farmacêuticos Famosos:   

    Grandes sábios e importantes cientistas que muito contribuíram para a saúde da humanidade eram farmacêuticos. 
    Farmacêutico francês, Ernest Furneau criou a moderna quimioterapia, e que outro francês, Claude Nativelle, contribuiu decisivamente para o tratamento de doenças do coração.
    O farmacêutico alemão Andreas Sigismund Margraf (1709-1782), entre muitas outras contribuições, introduziu o álcool como solvente para extração de matéria-prima e empregou o microscópio para exames de cristais de açúcar e outras partículas.
    A borracha sintética foi descoberta pelo farmacêutico alemão Fritz Hoffmann.
    O farmacêutico Luiz Manuel Queiroz instalou no Brasil a primeira fábrica de ácido sulfúrico do país.
    O cientista-farmacêutico Célio Silva, descobriu uma vacina de DNA contra tuberculose que também é um remédio para esta doença.
    O farmacêutico John Pemberton em 1886 em Atlanta criou o “Tônico para o Cérebro” hoje conhecido como Coca Cola.
    Um grande número de farmacêuticos participam do importante “Projeto Genoma Humano” para decifrar o conjunto de genes do ser humano (menor partícula viva). E que eles vão obter informações essenciais para diagnóstico, tratamento e, finalmente, cura de um grande número de doenças e a fabricação de remédios mais eficientes e a menores custos.
    O farmacêutico Alexander Flemming, (1881-1955) descobriu a penicilina. Foi através da observação do fungo Penicillium notatum que crescia como contaminante em culturas de estafilococos que ele estudava. O crescimento do contaminante liberava a penicilina, antibiótico que impedia o desenvolvimento destas bactérias nas proximidades da colônia do fungo. Esta observação trouxe grandes benefícios para o desenvolvimento da industria farmacêutica.
    Embora não tenha exercido sua profissão por muito tempo, nosso grande poeta e escritor Carlos Drumond de Andrade também era um farmacêutico.
    Farmacêutica Maria da Penha se tornou símbolo do combate à violência doméstica no Brasil. Tem uma lei com seu nome.
    Farmacêutico Argentino Alberto Granado, era amigo de Che Guevara e juntos fizeram uma viagem de moto em 1952 pelas americas visitando leprosarios. Esta viagem serviu de tema para o filme Diários de Motocicleta.